Viajando (todos os dias) em SP.

Em São Paulo viajamos todos os dias! Os deslocamentos podem ser verdadeiras viagens. O sistema metroviário paulistano conta com

78,4 km de extensão, pouco para os milhões de pessoas que utilizam este transporte todos os dias.

Nós gastamos cerca de 25/30 minutos de transporte público para chegar ao trabalho, por exemplo – são aproximadamente 15/16 minutos sobre os trilhos e o restante de baldeação/deslocamentos. Isto pode ser considerado um privilégio enorme, já que há quem dependa de combinações de meios de transporte nos deslocamentos diários, o que pode levar horas em cada trecho… e tem que voltar pra casa no final do dia. Mais um tempão!

O Metrô de SP recebe cerca de 3,7 milhões de passageiros diariamente, com seu record estabelecido no dia 14/11/2013, quando mais de 3,2 milhões de pessoas usaram o sistema. Na linha azul, que faz a ligação norte-sul, a viagem de ponta a ponta, de acordo com o site do Metrô, demora cerca de 45 minutos, percorrendo as 23 estações da linha. Bom, isso se absolutamente tudo correr perfeitamente, se não houver ninguém se jogando nos trilhos, se as pessoas não segurarem as portas do vagão, se não houver as famosas panes ou falhas no sistema. Ou seja, com muita sorte, o trajeto entre cada ponta dará menos de 50 minutos realmente.

Já na linha vermelha, que liga as zonas leste e oeste, a linha do “vale tudo”, onde as pessoas (claro que não todas) esquecem a racionalidade e partem para os empurrões, cotoveladas, “paulistinhas”, o trajeto, que percorre 18 estações, pode ser feito em 51 minutos, isto considerando um grande milagre neste dia. Esta linha é para os fortes!!!

Esta foto foi tirada na Estação Sé, a mais movimentada do Metrô, quando voltávamos do aeroporto de Guarulhos (do modo roots, ou seja, metrô+ônibus). A Sé recebe, em média, um fluxo de 594 mil usuários diariamente, pois faz a ligação entre as duas maiores linhas, a azul e a vermelha.

O metrô de Sampa está longe de ser o melhor meio de transporte do mundo, até mesmo do Brasil, mas a modernidade e o tamanho dos vagões (já pequenos para uma cidade uma população maior que de alguns países) são melhores do que alguns metrôs de algumas parte do mundo onde já estivemos. Ponto positivo!

Viver em São Paulo já é uma grande viagem: os percursos de todos os dias, se somados, dariam muitos quilômetros, há muita coisa para fazer por aqui, há muitas belezas para observar, lugares novos para frequentar a cada dia, enfim, é um lugar e tanto, que às vezes odiamos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s